Prefeitura já multou 20 donos de terrenos sujos em 2021

116

Ao todo, 158 notificações foram lavradas até o momento; fiscalização prossegue até o dia 22 de abril. No ano passado, cerca de 13 mil terrenos sem edificação foram notificados, sendo que 799 acabaram autuados.

Em meio à pandemia da Covid-19 que estamos vivendo, a Divisão de Fiscalização de Posturas da Secretaria da Fazenda, da Prefeitura de Votuporanga/SP, continua empenhada nas ações de prevenção à dengue, mantendo ativo o serviço de vistorias à terrenos sujos no município.

De acordo com levantamento da Pasta, com exclusividade ao Diário de Votuporanga, neste ano já foram emitidas 158 notificações sobre terrenos com mato alto e 20 deles foram multados por descumprirem o prazo de limpeza. Desde o início de março, a Fiscalização iniciou a verificação de todos os terrenos da cidade. O trabalho segue até o dia 22 de abril. 

No ano passado, todos os proprietários de cerca de 13 mil terrenos sem edificação foram notificados logo no início do ano para manterem seus terrenos limpos durante todo o ano. De janeiro a dezembro, 799 multas foram aplicadas pelo descumprimento das notificações. 

Segundo a Prefeitura, “é de conhecimento geral que terrenos vazios, sem edificações, devem ser mantidos limpos durante todo o ano pelos proprietários. Mantendo esses lotes limpos é possível combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e Chikungunya, e também a infestação de animais peçonhentos, como o escorpião”. 

Ainda de acordo com a gestão municipal, com o objetivo manter a cidade livre destes problemas decorrentes de terrenos sujos, a Divisão de Fiscalização de Posturas realiza, três vezes ao ano, fiscalizações para fazer com que os proprietários cumpram com seu dever legal.