EVIDÊNCIAS – Chitãozinho e Xororó soltam a voz hoje à noite no Assary

403

A dupla mais clássica da musica sertaneja do Brasil se apresenta logo mais às 22h30 no Centro de Eventos do Assary Clube de Campo

Perto de completar 50 anos de carreira, o que acontece em 2020, a dupla sertaneja mais famosa do Brasil se apresenta logo mais às 22h30 no palco do Assary Clube de Campo. E com eles serão entoados no palco seus grandes sucessos como “Galopera”, o primeiro que lançou a dupla em 1970; seguido pelo hino nacional “Evidências”, que intitula a atual turnê.

Os irmãos que atingiram a marca de 40 milhões de discos vendidos, 37 álbuns inéditos, nove DVDs, três prêmios Grammy, centenas de discos de ouro, platina e diamante, programas de televisão e uma homenagem da X-9 Paulistana que contou sua história. E com toda essa história ainda continuam na ativa a atual turnê “Evidências”, leva o nome da canção gravada há quase 30 anos.

O show será repleto de grandes sucessos dos quase 50 anos de carreira. Como “Sinônimos”, “Nuvem de Lágrimas” e “Chovendo na Roseira”. Mas o grande ápice será “Evidências”, que terá um papel importante dentro da apresentação.  “A escolha do repertório é sempre difícil, temos muitas músicas que nunca queremos deixar de fora”, explica a dupla.

Considerada umas das músicas sertanejas mais famosas, o clássico ‘Evidências’, virou um hit de referência de Chitãozinho e Xororó, marcando o romantismo das músicas dos anos 90. Agora, a canção que já foi regravada e interpretada por mais de 80 artistas dos mais diferentes estilos musicais, foi escolhida para homenagear a turnê dos irmãos.

“Quando José Augusto e Paulo Sérgio Vale fizeram a música, ela foi considerada ruim por muitas produtoras e empresários. Então José Augusto nos entregou uma fita com várias músicas, incluindo ‘Evidências’. Nós ouvimos no carro indo para São Paulo e quando escutamos a canção nos emocionamos na hora”, conta Chitão e Xororó.

A dupla gravou o primeiro disco, “Galopeira”, em 1970, mas o sucesso veio oito anos depois com “60 Dias Apaixonados”, que garantiu o primeiro disco de ouro da dupla.  O reconhecimento do grande público veio em 1982 com a música “Fio de Cabelo”, que vendeu mais de 1,5 milhão de cópias. Ao longo da carreira, os cantores criaram clássicos como “Se Deus Me Ouvisse”, “Fogão de Lenha”, “No Rancho Fundo”, “Brincar de Ser Feliz”, “Página de Amigos”, “Alô”, entre muitos outros.

Sobre o show de hoje no ASSARY

O show de hoje, mais um grande sucesso organizado pela diretoria, faz parte da agenda de comemorações dos 55 anos de fundação do Clube.

Além da dupla sobe ao palco o DJ GUTO que abre o evento com muita animação. Após apresentação do show principal, foram programados shows com as duplas:  Wesley e Gustavo, Rodrigo Olih e Flavio e Rodrigo.

O diretor social do Clube, Baiano, orienta para que desta vez, diferente de outros shows, onde os artistas principais entram no palco depois da 1h30 da madrugada, a dupla Chitãozinho e Xororó, começa a cantar às 22h30, “Então é melhor chegar mais cedo, os portões serão abertos às 20h45, e não perder nada de um dos melhores espetáculos do Brasil,” garante.

Por outro lado, o presidente do Assary, Mauricio Santini, disse que este é o presente que o clube dá  ao seu  associado em comemoração aos 55 anos de fundação da entidade. “Nossos eventos primam pela organização, estamos sempre visando trazer o que existe de melhor em shows para o nosso Clube e também para a nossa comunidade. Fica aqui o nosso convite ao associado ou visitante para que comemore hoje os nossos 55 anos de Assary Clube de Campo”, festeja.

Vendas de convites

Como já era de se esperar logo quando o show foi anunciado pela diretoria do Clube, as mesas e arquibancadas Vips se esgotaram rapidamente. Entretanto os fãs de Chitãozinho e Xororó podem  adquirir ingressos para a pista a R$30 (associados) e R$60,00 (visitantes) nos seguintes pontos de vendas: Jo Calcados, Supermercados Santa Cruz do Pozzobom, na secretaria do Clube, na Poly Sport ou pelo site da guichêweb. Informações no telefone (17) 3426-4070.