Estudantes com Covid-19 podem pedir reaplicação da prova do Enem 

90

Solicitação deverá ser feita entre 29 de novembro e 3 de dezembro pela Página do Participante.


Os estudantes inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 que apresentaram sintomas ou testaram positivo para a Covid-19 podem pedir a reaplicação da prova. A medida tem como objetivo preservar a segurança dos demais participantes do exame e é válida para os dois dias de provas, 21 e 28 de novembro. 

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a reaplicação deverá ser solicitada na Página do Participante, entre 29 de novembro e 3 de dezembro. O pedido deve estar acompanhado da documentação que comprove a condição de saúde do participante no período específico, assinada por algum profissional qualificado, com respectivo registro do Conselho Regional de Medicina (CRM), do Ministério da Saúde (RMS) ou de órgão competente. 

Após a solicitação, o Inep analisará os documentos apresentados e as condições do candidato. A reaplicação da prova acontecerá nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022, junto com o exame marcado para Pessoas Privadas de Liberdade ou sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL) 2021 e para os participantes isentos da taxa de inscrição em 2020. 

Além da Covid-19, podem solicitar a reaplicação da prova os estudantes que estiverem com algumas das doenças infectocontagiosas listadas nos editais do Enem Impresso e Digital: tuberculose, coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola e varicela.