Votuporanguense vence o Nacional e entra no G-8 da Série A3

125
Foto: Rafael Bento/Votuporanguense 

Vitória veio com gols de Paulo Henrique e Israel, no segundo tempo. CAV volta para casa, ao menos simbolicamente, já que manda seus jogos no Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol/SP, devido a Arena Plínio Marin não possuir iluminação artificial. O próximo compromisso está agendado para este sábado (1º), às 20h, diante do Bandeirante.

O Votuporanguense conquistou uma importante vitória na noite de quinta-feira (29), ao derrotar o Nacional por 2 a 1, em partida disputada no Estádio José Liberatti, em Osasco/SP, e válida pela quinta rodada da Série A3 do Campeonato Paulista.

Com um time considerado misto, com sete jogadores da base, o elenco do técnico Rogério Corrêa demonstrou superioridade diante dos donos da casa, mas os gols da vitória só saíram no segundo tempo: aos sete, com Paulo Henrique e aos 42, com Israel. O Nacional descontou aos 48 minutos, com Leandro Cajú, mas a reação parou por aí.

A vitória deixou o Votuporanguense com oito pontos, embolado dentro do G-8 da competição, ultrapassando o próprio Nacional, estacionado com seis pontos após a segunda derrota seguida.

Após o apito final, Israel que marcou seu primeiro gol como atleta profissional, não conteve a alegria: “É uma sensação única, estou muito feliz em ter ajudado a equipe a conquistar essa vitória e mais três pontos para nós, que é muito importante. Agora é só agradecer à Deus e trabalhar cada vez mais. Quero mandar um abraço, um beijo para minha família em Santa Rita de Cássia [Bahia] e todos meus amigos”. 

Já o zagueiro Paulo Henrique aproveitou para pontuar à disposição dos meninos da Arena: “Feliz demais pelo gol. Esse jogo foi muito importante para a história da Votuporanguense, com vários jogadores da base. Eu que também vim, estreei aqui [no CAV] como profissional, estou muito orgulhoso de estar em campo com esses meninos. Vitória importante para a sequência do campeonato, agora é continuar trabalhando para buscar novos resultados positivos”. 

A Pantera Alvinegra volta para casa, ao menos simbolicamente, já que manda seus jogos no Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol/SP, devido a Arena Plínio Marin não possuir iluminação artificial. O próximo compromisso está agendado para este sábado (1º), às 20h, diante do Bandeirante, pela sexta rodada do torneio.