Vice-governador Rodrigo Garcia participa de audiência pública com prefeitos em Votuporanga

186

Pelo estudo do governo paulista, a criação da Aglomeração Urbana da Região dos Grandes Lagos envolve 48 municípios e uma população total de quase 500 mil pessoas.


Uma audiência pública com objetivo principal de apresentar os estudos realizados pela fundação SEADE (Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos) em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo foi realizada na manhã desta sexta-feira (28), em Votuporanga/SP, para a criação de uma unidade regional entre regiões de governo de Votuporanga/SP, Fernandópolis/SP e Jales/SP.

Realizada na Câmara Municipal, audiência contou com participação do vice-governador e secretário de Estado de Governo, Rodrigo Garcia; o secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi; a secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes; o secretário da Educação, Rossieli Soares; o secretário da Casa Militar, Walter Nyakas, o prefeito de Votuporanga, Jorge Seba; o prefeito de São José do Rio Preto, Edinho Araújo; o presidente da Câmara de Votuporanga, vereador Serginho da Farmácia; e demais prefeitos e vereadores da região noroeste do Estado.

Em entrevista para um canal de notícias, Rodrigo Garcia explicou que a proposta de criação da nova Aglomeração Urbana dos Grandes Lagos faz parte da reorganização administrativa promovida pelo Governo em todo o Estado. “A última grande mudança, com articulação regional e criação de unidades administrativas foi feita pelo ex-governador Franco Montoro, que foi um grande municipalista, alguém que desbravou a organização administrativa de São Paulo, nas 16 regiões administrativas que temos e nas 42 regiões de Governo. Depois, de um longo estudo, iniciado aqui em 2019 por determinação do governador João Doria, nós estamos refazendo essa organização administrativa de todo o Estado, fazendo mais regiões metropolitanas, como é o caso de São José do Rio Preto e criando os aglomerados urbanos, pois entendemos que dessa forma nós teremos um melhor planejamento dessas regiões, a divisão melhor dos recursos e, principalmente, o envolvimento da sociedade na pactuarão das prioridades regionais”, salientou o vice-governador e secretário de Estado de Governo. 

Aglomerações Urbanas 

Atualmente, em todo o estado, existem três Aglomerações Urbanas: a de Jundiaí, que envolve 7 cidades; a de Piracicaba, que abrange 23 municípios e a de Franca, composta por 19 cidades – esta última saiu do papel em 2018.