Prefeito apresenta mensagem do Poder Executivo na Câmara e afirma que município precisa ser “criativo” quanto aos recursos 

232

Jorge Seba explicou que 15 obras públicas estão em andamento, destas, 14 serão concluídas neste ano, e a conclusão do novo Paço Municipal ficará para o ano de 2022.


O início da primeira sessão ordinária da Câmara Municipal de Votuporanga/SP foi marcado pela mensagem do Poder Executivo, dando cumprimento a Lei Orgânica do município, nesta segunda-feira (25). 

Na tribuna da Casa de Leis, sob presidência do vereador Serginho da Farmácia (PSDB), o prefeito Jorge Seba (PSDB) leu a mensagem encaminhada ao Poder Legislativo votuporanguense. 

Entre os pontos destacados, Seba afirmou que o “atual Governo será pautado na união entre os poderes Executivo, Legislativo e a Comunidade, pois somente assim, poderá ser retomado o caminho do desenvolvimento de Votuporanga”. 

O prefeito ainda explicou que “assumiu a Prefeitura com a situação financeira equilibrada. O saldo bancário foi de R$ 20.825.682,59 de recursos próprios, mais R$ 31.738.683,12 referentes à recursos vinculados e com destinação específica. E despesas de curto prazo de RS 18.283.709,45, o que representa, portanto, um superavit de R$ 2.541.973,14 em recursos próprios. No entanto, serão tempos difíceis, de austeridade, responsabilidade e, principalmente, criatividade de todos os agentes públicos, para que possamos fazer mais com menos. É por isso, que a ordem desde o primeiro dia é gastar menos com o governo e mais com as pessoas”. 

Ainda diante dos vereadores, Jorge Seba salientou que a previsão é de diminuição de recursos para este ano, em razão do momento econômico do País, com queda nas receitas próprias e nas transferências constitucionais e, pontuou: “O orçamento para 2021 é de R$ 352.275.500.00, sendo RS 276 milhões referentes à Prefeitura, R$ 18,2 milhões a menos que em 2020”. 

Quanto as obras que foram herdadas no município, o prefeito explicou que “15 obras públicas estão em andamento, destas, 14 serão concluídas neste ano, e a conclusão do novo Paço Municipal, cuja obra é complexa e exige maior tempo para o término, ficará para o ano de 2022”. 

Além de melhorias, tais como: limpeza, manutenção, capina, roçada e pintura de meio fio em diversas Avenidas e Praças de toda a cidade, o prefeito garantiu que “entre as prioridades da nova Administração está o desfavelamento nos bairros Matarazzo, Esmeralda, Pró-Povo, e também das Ruas Alvim Algarve e Olímpio Formenton, para que possa dar início a este projeto, ainda neste ano. Também em 2021. será feita a regularização fundiária urbana das 46 residências da antiga Colónia da Fepasa”. 

Seba ainda falou sobre a Saúde, tendo entre as prioridades a vacinação da população contra a Covid-19 para que se possa retomar à normalidade. Além de esclarecer que enviou ao Governo Estadual pedido de R$ 6 milhões em recursos, destinados para o
recapeamento asfáltico de cerca de 300 quarteirões em diversos pontos da cidade. 

Já na saída da Câmara, Jorge Seba falou a reportagem do Diário de Votuporanga sobre os recursos próprios da Prefeitura para investimento: “É um caixa equilibrado, e temos aí pouco mais de R$ 2 milhões para fazer frente à muitas coisas. É necessário ser bastante criativo, como me referi na nossa fala”, concluiu o prefeito.