Juiz autoriza liberdade de Lula

240

O ex-presidente deve deixar a carceragem da Polícia Federal em Curitiba a qualquer momento. Decisão do STF motivou recurso da defesa

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi autorizado a deixar a carceragem da Polícia Federal em Curitiba (PR), onde estava preso desde o dia 7 de abril do ano passado. Agora, o petista pode ser liberado a qualquer momento.

A decisão é do juiz Danilo Pereira Jr., da 12ª Vara Criminal Federal de Curitiba, que analisou o recurso apresentado pela defesa de Lula. A responsável seria a juíza Carolina Lebbos, mas como ela está de férias, o magistrado substituto assumiu.

A liberdade do ex-presidente veio após definição do Supremo Tribunal Federal (STF), que alterou a jurisprudência para derrubar prisões após condenação em 2ª instância. Com isso, presos que ainda não tiveram todos os recursos esgotados podem ser beneficiados. É o caso de Lula.