Hoje é Dia de Feira: Grupo se reúne com o vice prefeito para discutir restrições da fase vermelha do Plano SP

450

Grupo alega que poderá ser prejudicado por causa do horário de funcionamento das feiras livres no município. Antes o horário podia ser estendido até às 22h30 e atualmente só pode funcionar até às 20h, isto sem contar que aos finais de semana que estão proibidos.


Na manhã da última terça-feira (26) o vice-prefeito Cabo Valter e advogado Edison Caporaline se reuniram com integrantes do grupo `Hoje é Dia de Feira` para discutirem uma solução para os feirantes quanto às restrições da fase vermelha da pandemia, imposta pelo governo de São Paulo recentemente.  

O grupo alega que poderá ser prejudicado por causa do horário de funcionamento das feiras livres no município. Antes o horário podia ser estendido até às 22h30 e atualmente só pode funcionar até às 20h, isto sem contar que aos finais de semana que estão proibidos de realizar a feira devido ao lockdown. O vice prefeito estuda uma solução dentro das leis para que o trabalho dos feirantes não fique prejudicado.

O advogado Edison Caporaline prometeu se reunir com o Comitê de Crise Covid e para ver o que pode ser feito pelos feirantes.

Um dos integrantes do Grupo, que também é responsável pela divulgação das feiras, o radialista Carlinhos Barbosa, disse que nas próximas horas, se tudo correr bem, poderá sair algum decreto para regularizar a situação.

Estiveram também presentes nessa reunião: a vereadora Edinalva, Ivete (Churros da Ivete), André do Queijo e Rafael (Yogo Crepe). 

*(Colaborou Andrea Anciaes)