Escola Sab realiza culminância do final do semestre

977

Vice-diretora Camila Pérola Ferraz, Diretora Isabel Cristina Bertolo e a Professora Coordenadora Geral Viviani Rodrigues Rodante

 

Do lixo ao luxo

Cavaleiros do SAB

Cá entre nós

Explosão das Cores

SAB criar e recriar?

The best of the rock and roll

SAB saúde

Circus

Cultura é arte

A Escola Sab realizou na noite da última quinta-feira o encerramento de todas as atividades realizadas no ultimo semestre. A instituição, que faz parte do Programa de Ensino Integral, realizou a culminância, o encerramento, o resumo de todas as atividades práticas desenvolvidas nos últimos seis meses. O local escolhido para levar a escola foi o vão livre do Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” que fica no Parque da Cultura.

A professora coordenadora geral da Escola, Viviane Rodrigues Rodante, explica que todas as atividades desenvolvidas durante o semestre, dentro do Programa Ensino Integral, tem que haver uma culminância, porque as aulas não são regulares. “Não são aulas com disciplinas separadas, só matemática, só português, é o momento em que uma ou mais disciplinas se unem para falar, estudar, desenvolver o trabalho em cima de um tema, que é escolhido a partir de uma pesquisa, sobre o projeto de vida que o aluno quer, por exemplo, se determinados alunos querem arquitetura, outros veterinária, então desenvolvemos temas relacionados ao projeto de vida e ao sonho acadêmico deles, falamos sobre aquele assunto, mas com duas disciplinas e discutimos o mesmo tema, mostramos os passos de planejamento que tem que existir, os rumos que tem que tomar, até o alcance do sonho”, explica a professora.

“As culminâncias deste ano foram feitas fora da escola, até 2018 eram realizadas dentro da escola, então a gente caracterizava cada sala de acordo com um tema. Os professores e alunos iam a caráter, mas não saíamos do muro da escola. Desta vez nos recebemos a orientação para que a gente divulgue melhor a Escola Sab fora de seus domínios. Então tivemos a ideia de vir para o Parque da Cultura para usar o espaço livre do Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, disse.

A diretora da escola Sab, Izabel Cristina Bertolo, disse que estava comemorando naquela oportunidade o encerramento de um trabalho pedagógico desenvolvido no ultimo semestre. “Estou feliz pelo fechamento de um trabalho extremamente construtivo e pedagógico. Hoje dividimos os espaços com mostras de trabalhos diferenciados para que os adolescentes percebam que as disciplinas estão só isoladas, aqui elas se entrelaçam. Quando a gente fala de Português, estamos também falando de Matemática, em Marketing e Ciências. As crianças nessas seletivas percebem com muita clareza a interdisciplinaridade. Essa mostra aqui hoje, que são as bancas, 10 eletivas, cada qual com seu tema e o nome fantasia. São amostras de cada aula, de cada processo. A ideia, além de levar o conhecimento de diversas áreas ao aluno é levar também a comunidade de Votuporanga o trabalho que está sendo elaborado na Escola Sab.