CAV demite o técnico Marcelo Henrique

351
Marcelo Henrique e o auxiliar Júlio Kenaifes, demitidos do Votuporanguense — Foto: Rafael Bento/CAV

Treinador não resiste aos maus resultados e deixa o clube, que ainda não definiu o substituto.

Marcelo Henrique não é mais técnico do Votuporanguense. O treinador não resistiu aos maus resultados e deixa o clube após quatro rodadas na Série A2 do Campeonato Paulista. O CAV ainda não definiu quem será o substituto.

Marcelo Henrique deixa o Votuporanguense após perder as três primeiras rodadas da Série A2 e empatar com a Portuguesa neste domingo, resultado que deixou a situação do comandante insustentável. Além do treinador, o CAV demitiu o auxiliar técnico Júlio Kenaifes.

Com apenas um pontos em quatro rodadas, o Votuporanguense ocupa a lanterna da Série A2 do Campeonato Paulista. Os dois times de pior campanha serão rebaixados para a terceira divisão estadual.

 

O jogo

Votuporanguense e Portuguesa ficaram no empate pela Série A2 do Paulista — Foto: Rafael Bento/CAV

 

Os gols saíram apenas no segundo tempo: aos 11 minutos, Misael abriu o placar para os donos da casa. Nove minutos mais tarde, Leonardo empatou para a Lusa.

O empate dá ao Votuporanguense o primeiro tempo na Série A2 após três derrotas seguidas, mas mantém o time na lanterna. Em situação um pouco melhor, a Lusa soma quatro pontos e ocupa a 10ª colocação.

A Portuguesa entra em campo pela quinta rodada na próxima quarta-feira, às 20h30, quando recebe a Portuguesa Santista, no estádio do Canindé, em São Paulo. O Votuporanguense entra em campo apenas no sábado, às 15h, quando visita o Penapolense, no estádio Tenente Carriço, em Penápolis.