Votuporanguense é derrotada na estreia

1826

CAV foi surpreendida pelo Comercial, que somou seus três primeiros pontos no Grupo 1.

Mesmo fora de casa, o Comercial estreou com vitória na Copa Paulista. Na manhã deste domingo, na Arena Plínio Marin, o time venceu o Votuporanguense por 2 a 1. Douglas Neto e Guti fizeram os gols do triunfo e Ricardinho, de pênalti, descontou.

Com isso, o Comercial soma seus três primeiros pontos no Grupo 1 e divide a liderança com o Linense, que superou o Batatais também por 2 a 1.

A partida começou a todo vapor com as duas equipes buscando abrir o caminho gol. Os visitantes foram mais felizes e inauguraram o marcador aos 23 minutos do primeiro tempo com o atacante Douglas Neto.

Ainda no primeiro tempo o time da casa teve ótima chance de deixar tudo igual com João Marcos. O representante de Ribeirão Preto quase ampliou no último lance com Zé Andrade. O número nove do Leão resolveu arriscar de fora da área e a bola tirou tinta da trave.

Na volta para a segunda etapa, a Pantera da Noroeste chegou ao empate aos nove minutos em cobrança de pênalti do meia Ricardinho. Mas não deu nem tempo de comemorar e o zagueiro Guti apareceu de surpresa e, de cabeça, recolocou o Comercial na frente do placar.

Na sequência do jogo o Votuporanguense ameaçou uma reação, mas o resultado não se alterou.

No próximo sábado, às 18h, o Votuporanguense encara a Ferroviária na Arena Fonte
Luminosa, em Araraquara.

Outros jogos

Houve ainda mais oito partidas disputadas nessa primeira rodada de domingo da Copa Paulista. Em clássicos disputados pelo Grupo 2, o Rio Claro saiu de campo vitorioso, enquanto Inter de Limeira e XV de Piracicaba ficaram no empate. Na Rua Javari, o Juventus confirmou a fama de ser a asa negra do Corinthians e venceu por 2 a 1.

O equilíbrio marcou a maioria dos nove jogos . Foram três empates, quatro vitórias dos mandantes e duas dos visitantes. Foram marcados 21 gols, com média de 2,3 por jogo.

O Rio Claro recebeu o rival Velo Clube no dérbi disputado no Schmidtão e venceu por 2 a 0, resultado que o coloca na liderança do Grupo 2 ao somar os primeiros três pontos. O Velo terá que esperar a próxima rodada para tentar pontuar pela primeira vez.

No Limeirão, Inter de Limeira e XV de Piracicaba se reencontraram após a disputa das semifinais da Série A2, que terminou com o acesso dos limeirenses. No reencontro, os rivais empataram por 1 a 1, num jogo equilibrado e com placar justo.

À tarde, no estádio Décio Vitta, em Americana, onde manda seus jogos, o Atibaia venceu o Noroeste, por 2 a 1, de virada.

Pelo Grupo 1, o do Votuporanguense, o Linense venceu o Batatais por 2 a 1, no Gilbertão, confirmando a sua força dentro de casa. O time de Ribeirão Preto promete brigar pelo título da competição. Tanto que a diretoria estuda uma maneira de reforçar o elenco.

No Grupo 3, com quase dois mil torcedores fazendo aquele ‘clima quente’ na Rua Javari, o Juventus foi melhor e venceu o jovem time do Corinthians, por 2 a 1. Todos os gols saíram no primeiro tempo, com o time da casa abrindo logo a vantagem de dois gols.

O Taubaté foi derrotado por 1 a 0 pelo Nacional, em pleno Joaquinzão, no Vale do Paraíba.

Os dois jogos do Grupo 4 foram disputados à tarde na região do ABC paulista. No estádio Bruno José Daniel, Santo André e Grêmio Osasco empataram por 2 a 2. No estádio Anacleto Campanella, São Caetano e Ponte Preta ficaram no empate sem gols.

Competição motivada

A competição reúne 24 clubes divididos em quatro grupos de seis times. Eles se enfrentam entre si em turno e returno, num total de dez jogos. Os quatro melhores seguem adiante na disputa.

A competição está a cada ano mais motivada, com incentivo direto do presidente da Federação Paulista, Reinaldo Carneiro Bastos. Os finalistas vão ter direito a escolher uma vaga no Brasileiro da Série D de 2020 ou uma vaga na Copa do Brasil. O direito de escolha pertence ao campeão. Ano passado o CAV venceu e escolheu Copa do Brasil.