Votuporanga e região regridem para a fase laranja do Plano São Paulo

795

Reclassificação ocorreria apenas em 5 de fevereiro, mas foi adiantada para esta sexta-feira (15). Alteração passa a valer na próxima segunda-feira (18).


O governo de São Paulo colocar mais regiões do interior do Estado em fases mais duras da quarentena. Por outro lado, a região da Grande São Paulo, que inclui a capital, permanecerá na fase amarela, considerada intermediária. 

Segundo a decisão tomada em conjunto com o Centro de Contingência do Covid-19, a região de Marília, no interior do estado, irá para a fase vermelha. Será permitido apenas o funcionamento de serviços essenciais. O principal indicador que motivou este status é a ocupação de leitos de UTI destinados aos casos graves de Covid-19, que chegou a 83% nesta quinta-feira. 

Além da região do oeste paulista, passam para a fase laranja outras sete regiões: São José do Rio Preto (onde se situa Votuporanga e região), Franca, Ribeirão Preto, Araçatuba, Piracicaba, e Taubaté. Essas cidades estavam na fase amarela. Permanecem na fase amarela Sorocaba, Registro e Presidente Prudente. Nessas regiões, reside 26% da população total de SP. Alteração passa a valer na próxima segunda-feira (18).

O que muda na Fase Laranja

  • Todos os setores de comércio e serviços passam a ser permitidos. A exceção é o atendimento presencial em bares, que continua proibido. 
  • Capacidade de ocupação: antes era de 20% e vai para 40% em todos os setores. 
  • Funcionamento máximo: ampliado de 4 para 8 horas por dia. 
  • Horário de fechamento: atendimento presencial só poderá ser feito até 20h. 
  • Parques estaduais, salões de beleza e academias: poderão abrir.