Três pacientes com Covid-19 morrem à espera de leito intensivo em Nova Granada

351

De acordo com a secretária de Saúde, Quésia Corrêa da Cunha, o município enfrenta uma situação crítica.


Três moradores de Nova Granada/SP morreram à espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinada para tratamento de Covid-19.

De acordo com a prefeitura, os três pacientes receberam atendimento necessário em uma unidade respiratória da Santa Casa. Eles receberam medicação, precisaram de suporte de ventilação e foram inseridos na Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde (CROSS), mas não conseguiram ser transferidos para outros hospitais. 

Segundo a prefeitura, os pacientes que não resistiram às complicações da doença foram dois homens e uma mulher. Todos tinham mais de 45 anos. 

“Não estamos conseguindo encaminhar os pacientes. Estão saindo vagas para outras regionais. A situação está crítica. Os casos estão aumentando diariamente”, afirma a secretária de Saúde de Nova Granada, Quésia Corrêa da Cunha. 

A Santa Casa de Nova Granada não possui leitos intensivos, mas conta dois ventiladores fixos e um móvel, que ajudam na transferência dos pacientes. 

Em nota, o estado de São Paulo respondeu que o sistema de transferência está funcionando, mas que as mortes, infelizmente, aconteceram por conta do estado grave dos pacientes. 

*Com informações do g1