Ocupação para UTI Covid está em 70,8% na região de Rio Preto

375
Secretário de Saúde de Rio Aldenis Borim (Foto reprodução Diário da Região)

Dados apresentados pelo secretário Aldenis Borim são do Censo Covid, ao qual hospitais e órgãos do governo têm acesso. Para avançar apara a fase amarela, índice deve-se manter abaixo de 75%.

O secretário de Saúde de Rio Preto, Aldenis Borim, afirmou nesta quinta-feira, 3, que o Departamento Regional de Saúde (DRS) de Rio Preto está com 70,83% de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva para tratamento de Covid-19. O número foi apresentado pelo secretário durante transmissão ao vivo é do Censo Covid, ao qual apenas os hospitais e órgãos de governo tem acesso.

Até às 14h de quarta-feira, 2, o DRS estava com 77,8% de ocupação de leitos de UTI para Covid, segundo informações levantadas pela Fundação Seade e divulgadas pelo governo do Estado de São Paulo.

Segundo Borim, o índice divulgado pelo Estado, que é diferente daquele a que os gestores têm acesso, não estava levando em consideração leitos recentemente criados no Hospital Austa, mas esse problema está sendo corrigido.

O índice é acompanhado diariamente, já que a ocupação de leitos para Covid é determinado para a classificação da região no Plano São Paulo. Atualmente a região de Rio Preto, que engloba Votuporanga, está na Fase 2 (laranja) e só poderá avançar para a Fase 3 (amarela) se essa taxa ficar abaixo de 75%.

Nesta semana, o governo do Estado de São Paulo criou 24 novos leitos de UTI distribuídos entre hospitais de Rio Preto – Hospital de Base (8), Austa (10), para convênio, e Santa Casa (11, sendo nove para o SUS e duas para convênio). (Diário Web)