Projeto internacional será realizado neste sábado no Parque da Cultura

941

Quebrando o Silêncio tem como objetivo educar e prevenir contra o abuso sexual infantil; ação acontece às 16h e é gratuita

 

 

Acontece hoje em Votuporanga uma ação internacional que tem como objetivo alertar a todos sobre o abuso sexual infantil. Toda a programação é gratuita.

O projeto Quebrando o Silêncio, por meio de inúmeras ações e materiais gratuitos que explicam didaticamente as nuances do abuso sexual infantil, tem levado a toda a América do Sul mensagens de prevenção, cuidado e de identificação de comportamentos suspeitos.

O Quebrando o Silêncio foi lançado em 2002 com o objetivo de educar e prevenir contra o abuso e a violência doméstica. Desde o seu início, inúmeros temas foram debatidos como agressões contra a mulher, depressão, estupro, drogas e outros. O projeto é promovido anualmente pela Igreja Adventista do Sétimo Dia em oito países da América do Sul (Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai), buscando ações que podem salvar vidas.

Parque da Cultura

A programação terá início às 16h no palco interno do Parque da Cultura. Serão ministradas breves palestras com Daniel Tavares, líder de jovens da APO (Associação Paulista Oeste) e a assistente social do CREAS (Centro de Referência Especializado em Assistência Social), Daniela Soares de Azevedo. Ambos debaterão sobre o abuso sexual infantil.

Haverá ainda apresentação do Comunicanto Coral, formado por aproximadamente 80 vozes, além do Comunicanto Kids, constituído por crianças.

Em seguida será realizada uma ampla panfletagem no entorno do Parque da Cultura, com a entrega de materiais impressos que trazem orientações sobre o combate e prevenção ao abuso sexual infantil. Neste ano haverá também a distribuição de revistas abordando o tema com linguagem direta para as crianças.

A ação contará com a participação dos clubes de Desbravadores e Aventureiros, do Colégio Adventista de Votuporanga, da ASA (Ação Solidária Adventista), além de parceiros locais de organizações públicas que apoiam a iniciativa.

A data está em sintonia com o calendário oficial do Estado de São Paulo, que recentemente instituiu o quarto sábado do mês de agosto como o Dia Estadual da Campanha Quebrando o Silêncio, projeto de lei da Deputada Estadual Dra. Damaris Moura.