Polícia Ambiental prende homem por abate de animal silvestre

1759

 

O homem foi preso em flagrante e pagará multa de R$500; Na delegacia, pagou fiança de R$1.000 para responder pelo processo em liberdade

Durante patrulhamento da polícia ambiental realizado às margens do rio São José dos Dourados, a Polícia Ambiental prendeu um morador de Votuporanga pela caça de animais silvestres. O indivíduo havia abatido uma paca.

Os policiais realizavam patrulha rotineira pela área para prevenção de crimes contra a fauna e flora, quando avistaram uma moto escondida em meio à vegetação.  A equipe realizou buscas e encontrou o suspeito transportando um saco plástico que continha uma paca abatida por arma de fogo.

Questionado a respeito, o homem admitiu a caça predatória e levou os policiais até o local onde havia escondido a arma – uma carabina calibre 22.

A arma estava escondida em meio às folhagens e para chegar ao local os policiais tiveram de cruzar área alagada e brejo.

O caçador também portava uma faca na cintura, lanterna e corda. Na carteira de documentos havia 7 cartuchos de munição intactos.

O homem foi preso em flagrante por matar animal silvestre, além de levar multa de R$500,00. O caçador pagou fiança de R$1.000 para responder pelo processo em liberdade.