Paróquia da Catedral completa 76 anos neste domingo

392

A paróquia foi criada no dia 22 de dezembro de 1943, com decreto de Dom Lafayette Libanio.

Neste domingo, 22 de dezembro, a Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Votuporanga completa 76 anos de criação. A paróquia foi criada no dia 22 de dezembro de 1943, com decreto de Dom Lafayette Libanio, sendo desmembrada da paróquia de Cosmorama e instalada 3 dias depois, em 25 de dezembro.

Ao criar a paróquia, Dom Lafayette a confiou sobre a proteção de São Pascoal Bailão. Após pedidos da comunidade paroquial, em 1947 o bispo confirmou Nossa Senhora Aparecida como padroeira da paróquia, em substituição a São Pascoal Bailão, pois antes da criação da paróquia havia a Capela de Nossa Senhora Aparecida. O primeiro pároco foi o franciscano Frei Francisco Xavier e desde 2011, a paróquia é administrada pelo padre Gilmar Margotto, o primeiro votuporanguense a ser pároco da comunidade.

A Paróquia Nossa Senhora Aparecida foi a primeira a ser criada em Votuporanga e dela se originaram as demais. Além dos Frades Menores, a paróquia foi pastoreada por 30 anos pelos Freis Capuchinhos, cuja lembrança deixaram até hoje, principalmente o amado Frei Arnaldo e posteriormente pelos padres diocesanos. Entre as curiosidades, a paróquia teve como párocos 3 padres estrangeiros: o holandês Arthur Horsthuis, que anos depois se tornou o primeiro bispo de Jales, o alemão João Schultewalter e o italiano Nino Carta.

Um grande marco nestes 76 anos foi a construção da Sé Catedral, cartão postal de nossa cidade, cuja construção foi iniciada em 1953 e inaugurada em 1958, desenhada em estilo neogótico e a única da região com duas torres.

Ao longo desses anos, foram realizadas inúmeras atividades, com destaque para as Missas Solenes, encontros, retiros, quermesses, leilões. Muitas crianças e adultos receberam os sacramentos do Batismo, Eucaristia, Penitência, Crisma, Matrimônio e Unção dos Enfermos. Além disso, muitos padres foram ordenados na paróquia, entre eles o padre Gilmar, além da ordenação de diáconos permanentes, diáconos transitórios e profissões religiosas. Também passaram pela paróquia inúmeras pessoas que não mediram esforços e doaram suas vidas pela comunidade.

Na área social, a Paróquia se destacou na criação do Lar São Vicente de Paulo, Centro Social, Damas da Caridade, Casa da Criança, Feira da Providência, Secretariado do Menor e hoje mantendo a Comunidade Assistencial Irmãos de Emaús (Casa Abrigo) que acolhe muitos moradores em situação de rua, além do combate à desnutrição e mortalidade infantil desenvolvida pela Pastoral da Criança e o trabalho dos Vicentinos que auxiliam as famílias carentes.

Com a criação da Diocese de Votuporanga em 2016, a Paróquia Nossa Senhora Aparecida tornou-se a Paróquia da Catedral, sendo referência para as outras 27 paróquias das 25 cidades da diocese.

 

Veja abaixo a lista dos párocos:

Frei Francisco Xavier (1943 – 1945)

Frei Elias Hüppe (1945)

Frei Meinrado Vogel (1945 – 1946)

Padre Arthur Horsthuis (1946)

Padre João Schulterwalter (1947 – 1953)

Frei Gregório de Protásio Alves (1953 – 1956)

Frei Ambrósio de Bebedouro (1956 – 1959)

Frei Eusébio de Penápolis (1959 -1960)

Frei Benjamin Maria de Piracicaba (1960 – 1964)

Frei Anselmo de Taubaté (1964 – 1966)

Frei Sérgio Maria de Capivari (1966 – 1969)

Frei Cirilo Bergamasco ( 1969-1972; 1981)

Frei Ismael Martignago (1972- 1975)

Frei Tarcísio Paulino Leite (1975 – 1978)

Frei Agostinho Thomazzela (1981 – 1983)

Padre Nino Carta (1983 – 1991)

Padre Edemur José Alves (1991 – 2011)

Padre Gilmar Margotto (2011)