Décima edição do Cultura On-line será neste final de semana com música, poesia, teatro, dança e artes marciais

201

Apresentações serão de artistas convidados, contemplados pela Lei Aldir Blanc e alunos do Niac; público poderá acompanhar acessando @PrefVotuporanga nas redes sociais da Prefeitura.


A décima edição do “Cultura On-line”, evento produzido pela Secretaria da Cultura e Turismo de Votuporanga, será realizado neste sábado (15) e domingo (16) com atrações de música, poesia, teatro, dança e artes marciais. Sob o comando de Giovanni Mantovani (Gigio), as apresentações serão de artistas convidados, contemplados pela Lei Aldir Blanc e alunos que integram o Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas (NIAC), projeto da própria Secretaria. Nos dois dias, o início será a partir das 13h e o público poderá acompanhar acessando @PrefVotuporanga nas redes sociais da Prefeitura, no YouTube e Facebook.

Programação

Abrindo as atrações no sábado, às 13h, o pianista e compositor votuporanguense Gustavo Bombonato, apresenta o show “Por Diferentes Caminhos”, um repertório autoral baseado na música universal piano solo. O repertório instrumental traz composições inéditas nos gêneros eruditos, jazz e chorinho. O tema escolhido é baseado no conceito desenvolvido pelo multi-instrumentista Hermeto Pascoal que significa “a música sem rótulos”.

Em seguida, às 14h, o Studio de Dança Mariana Maricato apresenta o “5º Espetáculo de Dança – Selvagem”. Produzido em 2018, a narrativa destaca a importância da natureza e da preservação das espécies, por meio de coreografias de ballet clássico, jazz, sapateado, contemporâneo, flamenco e ballet aéreo.

A primeira atração dominical, contemplada pela Lei Aldir Blanc, é uma live conduzida por Natália Pântano, o “Projeto Nostra Filha”. A apresentação musical recebe os convidados Henrique Marchi e Edilaine Furtado, cantando músicas de sucesso e qualidade que marcaram a trajetória do grupo “Nostra Filha Festa Show”.

A atração das 14h é da Almagêmea Escola e Boutique de Dança, que vai apresentar o espetáculo “Três”. Gravado em 2018 e com trilhas dos artistas Tim Maia, Raul Seixas e Elis Regina, o espetáculo traz ao palco coreografias nos gêneros ballet clássico, contemporânea, dança do ventre, flamenco, hip hop, jazz e sapateado.

Intervalos

As tradicionais apresentações especiais mais curtas também estarão presentes nessa edição. No sábado, o projeto “Arte e Vida”, que apresenta, no formato de vídeos, interpretações produzidas por alunos e artistas locais convidados e é coordenado por Graziella Fuscaldo no NIAC (Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas), traz a interpretação do poema “Saber Viver” (Cora Coralina) declamada por Kendruiks Rodrigues. Em seguida, entra em cena, viabilizado por meio do ProAc Município 2019, o Grupo de Choro Tradição “Os Sorrisos do Choro” (Doce de Côco/Jacob do Bandolim) que foi fundado em 1984 pelo músico Amilar Riva e passou por diversas formações até a composição atual formada por bandolim, violão, cavaco e pandeiro.

No domingo, a Escola de Kung Fu Punhos Unidos, apresenta uma manifestação proveniente da cultura chinesa denominada “Dança do Leão”, que foi desenvolvido pelo ProAc Município 2019. A arte marcial é um elemento transformador, emancipatório e de grande beleza estética, a riqueza das tradições do povo chinês, bem como suas contribuições para sociedade ocidental.