Ângelo, o estreante de 15 anos do Santos, é agenciado por advogada de Robinho e está na mira de pai de Neymar

422
 Ângelo Gabriel assina pré-contrato profissional com o Santos

Acostumado a revelar bons jogadores, o Santos promoveu no último domingo a estreia de Ângelo Gabriel, de apenas 15 anos e portanto o segundo mais jovem da história do clube a jogar profissionalmente. O atacante entrou aos 15 minutos do segundo tempo na derrota para o Fluminense, no Maracanã, e, embora muito jovem, já é alvo de uma queda de braço nos bastidores.

O jornalista da ESPN Brasil Jorge Nicola publicou em seu blog no portal Yahoo!, nesta segunda-feira (26), que o jovem está na mira de Neymar Silva, pai do craque do Paris Saint-Germain. O problema é que Ângelo Gabriel tem como agente a advogada Marisa Alija, a mesma que representante Robinho e o defende contra a acusação de estupro na Itália.

Diante do interesse do empresário, o estafe de Ângelo já estuda a possibilidade de rescindir o contrato com Marisa Alija. Já ocorreram conversas embrionárias com Neymar pai e o rompimento do vínculo atual só não foi feito por questões financeiras.

Segundo Nicola, Ângelo Gabriel é o mais novo capítulo de queda de braço entre Marisa Alija e Neymar pai, apesar de os dois principais clientes da dupla se darem muito bem e serem amigos até hoje fora de campo.

A advogada representa alguns jogadores da base do Santos –segundo Nicola, reflexo da relação com Robinho– e acaba de perder o atacante Marcos Leonardo, 17, que empatou o jogo contra o Defensa y Justicia. Adivinha com quem ele tem conversado?

Sim, Neymar pai deseja acertar com Marcos Leonardo, chamado dentro do Santos apenas de Léo. Ainda não há um acordo e o jovem é muito cobiçado no mercado da bola por outros grandes agentes de jogadores.

Voltando para Ângelo, a estreia dele não foi mero acaso. Na sexta (23), ele assinou um pré-contrato profissional com o Santos, segundo o “GloboEsporte.com”. O vínculo definitivo será formalizado após 21 de dezembro, quando ele completar 16 anos.

No domingo, ele tornou-se o segundo jogador mais jovem a estrear pelo Santos, superando Pelé por alguns dias. O Rei do Futebol estreou aos 15 anos, 10 meses e 15 dias, em 7 de setembro de 1956, enquanto Ângelo estreou com 15 anos, 10 meses e 4 dias.

No entanto, recordista na história do clube praiano é Coutinho, atacante do Santos nos anos de ouro com Pelé, inclusive famoso pelas tabelinhas com o Rei, que estreou aos 14 anos, 11 meses e 6 dias. Marca difícil de ser superada nos dias de hoje.

Ângelo também passou a ser o mais jovem jogador a atuar em uma partida do Campeonato Brasileiro na era dos pontos corridos (desde 2003). Superou a marca de Jô, do Corinthians, que fez o primeiro jogo aos 16 anos e 3 meses na edição de 2003.