VOTUPORANGA ANTIGA – Cine São Bento / Irmãos Curti

392

Por: Ravel Gimenes – ravelgimenes@gmail.com–

Dando continuidade a saga cinematográfica de Votuporanga iniciada na semana passada, hoje iremos abordar o surgimento do Cine São Bento. Logo após a construção da praça São Bento, a Vila Marin já possuía uma grande estrutura, cujas casas e comércios ajudavam ainda mais a desenvolver aquela região da cidade (até então) afastada da área central. Foi aí que surgiu a ideia de construir um cinema bem em frente ao cartão postal do bairro. A obra iniciou em 1664 e o local foi inaugurado em 8 de agosto de 1965.

Devemos reconhecer que nossa cidade foi agraciada com todos os recursos de ponta para a época, possuindo projetores de última geração, telas de projeção profissionais e poltronas aconchegantes. Os frequentadores relatavam todo o garbo e elegância dos nossos cinemas em uma época glamorosa. Só no Cine São Bento eram 1500 poltronas para acomodar os seus frequentadores. Tempos atrás tive a oportunidade de entrevistar uma de suas funcionárias, a senhora Delourdes Xavier, que pôde nos agraciar com detalhes imperceptíveis para as fotografias da época, além de lembrar-se do gerente do local, o Sr. José de Alvarenga Campos. Parte desse investimento é identificado graças a experiência dos seus criadores, os Irmão Curti.

Fachada do Cine São Bento nos anos 60

Interior do Cine São Bento

 

Irmãos Curti, percussores do cinema em nossa região.

 

Antônio Leopoldo Curti e Francisco Curti foram os maiores responsáveis pelo crescimento cinematográfico da região. No auge do negócio, o conglomerado possuía 25 cinemas próprios e 46 locais em parceria/sociedade, dentre os quais o Cine São José, Cine Rio Preto, Cine São Paulo, Cine Boa Vista (em São José do Rio Preto), além do Cine Teatro São Pedro (em Mirassol), Cine Jales, Cine Olímpia, dentre outros. Os empreendimentos eram tão organizados que eles chegaram a criar uma empresa somente para realizar a distribuição das películas cinematográficas (na época em 16 e 35mm), fotos e cartazetes (pequenos cartazes) que eram utilizados na divulgação dos filmes. Na época, além dos cartazes, eram colocadas imagens fotográficas com cenas e atores dos filmes, um chamariz para o público.

Na última imagem dessa semana vemos a praça São Bento nessa incrível fotografia aérea, onde é possível visualizar ao centro (bem na parte superior) o prédio do cinema, além dos imóveis residenciais e comerciais da Vila Marin. Em sua época mais produtiva, Votuporanga contou com três cinemas em atividade simultaneamente (Cine Votuporanga, Cine Central e Cine São Bento).  Nos dias atuais, somente o Cine Votuporanga continua em funcionamento. Após a popularização dos shoppings centers, muitos empreendedores viram a possibilidade de agregar o seu comércio junto aos centros de compras. Infelizmente, essa nova realidade ocasionou o fechamento dos cinemas de bairro ao longo dos anos, como o que aconteceu por exemplo, na nossa cidade vizinha São José do Rio Preto, bem como em outras localidades.

PRAÇA SÃO BENTO

Foto – Cine e Praça São Bento: “A Vanguarda em Revista” – Votuporanga 29 anos e Irmãos Curti – Fernando Marques.