Prefeitura amplia capacidade de atendimento da UPA com novos leitos de suporte

218

Ao todo, 11 leitos de suporte com ventilação mecânica estão disponíveis para pacientes suspeitos ou confirmados com Covid-19 que aguardam transferência.


Desde o anúncio da transformação da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24 horas em Central de Atendimento Covid em Votuporanga, na última semana, a Prefeitura tem realizado diversas ações para fortalecer o serviço de suporte aos pacientes suspeitos ou confirmados com Covid-19 atendidos na Unidade e que aguardam transferência para rede hospitalar.
O Município adquiriu, de maneira emergencial, quatro novos monitores cardíacos e recebeu mais três respiradores da USP (Universidade de São Paulo), por intermédio do deputado estadual Carlão Pignatari. Ao todo, a UPA conta, agora, com 11 leitos de suporte com ventilação mecânica. Na última sexta-feira já havia sido anunciada a conquista de seis respiradores da USP, também com apoio do deputado Carlão Pignatari, que se somaram a outros dois que a Unidade já possuía.
Nova tenda

Nesta sexta-feira (12), o prefeito Jorge Seba, acompanhado do vice-prefeito Cabo Valter e da secretária da Saúde, Ivonete Félix, visitaram a nova estrutura que está em fase final de instalação ao lado da UPA, onde são realizados os atendimentos iniciais dos pacientes que vão até a Unidade. A previsão é de que neste final de semana iniciem os atendimentos na nova tenda, em substituição ao espaço anterior que que teve a vigência do contrato encerrada. “É uma estrutura mais ampla e arejada para melhor atender a população”, disse o prefeito Jorge Seba.