Narrador e jornalista Cadu Cortez morre aos 40 anos vítima de infarto

852
Cadu Cortez tinha 40 anos - Foto: Divulgação/Twitter / Estadão

Última transmissão dele foi a partida entre Roma e Cagliari no último domingo, pela ‘DAZN’.

Morreu na madrugada desta terça-feira, vítima de um infarto fulminante, o narrador e apresentador Carlos Eduardo Sica Cortez, mais conhecido como Cadu Cortez. O jornalista narrou no último domingo, pela DAZN, a partida entre Roma x Cagliari, válida pelo Campeonato Italiano. No Estadão, Cadu participava do podcast ‘Notícia No Seu Tempo’. – escute a última edição.

Vítima de um infarto fulminante, o narrador tinha 40 anos e passou mal enquanto voltava de viagem de Buenos Aires, onde havia feito transmissões para a plataforma de streaming. Ao desembarcar no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, Cadu Cortez chegou a ser atendido, mas teve novas paradas cardíacas e não resistiu.

A notícia gerou comoção nas redes sociais entre fãs e amigos de profissão do narrador. “Que loucura a triste notícia da morte do Cadu Cortez. Inacreditável. Passamos o fim de semana inteiro juntos, trabalhando, conversando sobre tanta coisa, dando risada… E agora chega essa porrada. Muita força pra todo mundo”, escreveu o comentarista da DAZN Rafael Oliveira no Twitter.

Quem também se manifestou foi o narrador da ESPN Fernando Nardini: “Deus do céu, a vida segue pregando peças inaceitáveis. Querido Bugu, Cadu Cortez, amigo desde a faculdade, tantos trabalhos juntos, tantas histórias, 1×0 contra mim no tênis, revanche marcada para esta semana…Não pode ser, meu Pai. Que dor, que tristeza. Por que tão cedo?.”

Carreira

Cadu Cortez começou sua carreira na Rádio Nativa. Em seu currículo, teve passagens por rádio Eldorado, bandeirantes, SulAmérica Trânsito, 105 FM e Cultura AM e FM. Em 2004, ele criou a Voz e Comunicação Produção Jornalística, onde fez produção de vídeos e comerciais institucionais. De 2002 a 2011 foi locutor da Red Bull para eventos no Brasil

Na TV, passou por TV Cultura, SBT, Fox Sports. Atualmente narrava ciclismo no Bandsports e fazia transmissões pelo serviço de streaming DAZN.