Homem é preso por matar shih-tzu de estimação a paulada e diz à polícia que agrediu animal por latidos

486

Homem confessou o crime e foi multado em R$ 6 mil; ele foi solto após passar por audiência de custódia.


Um homem de 28 anos foi preso após matar a pauladas o próprio cachorro de estimação no bairro Viva Mais II, em Novo Horizonte/SP, na noite de terça-feira (4).

De acordo com o boletim de ocorrência, equipes da Polícia Militar receberam denúncia sobre o caso e conversaram com a mulher do suspeito. Ela confirmou à polícia que o homem tinha matado o animal, mas disse que o marido não estava no imóvel.

Policiais começaram a fazer buscas e conseguiram encontrar o suspeito no cruzamento da avenida da Saudade com a Rua João de Castro.

Ele alegou que o cão, da raça shih-tzu, não parava de latir durante a madrugada. Por isso, pegou um pedaço de madeira compensado e bateu no animal, não tendo a intenção de machucá-lo.

Depois de perceber que o cachorro tinha morrido, o homem colocou o animal em um saco plástico e jogou em um terreno.

Segundo o boletim de ocorrência, o suspeito foi preso em flagrante e multado em R$ 6 mil. Ele passou por audiência de custódia e foi liberado nesta quarta-feira (4).

*Informações/G1