Nhandeara e Ouroeste confirmam mortes de pacientes com Covid à espera de leitos

262

Na última semana, mortes também foram registradas em municípios como: Votuporanga, Jales, Fernandópolis, General Salgado, Nova Granada, Araçatuba, Santa Adélia, Irapuã, Urânia, Riolândia e Tabapuã.


Diante do recrudescimento da pandemia de Covid-19, outras cidades do noroeste paulista confirmaram nesta segunda-feira (15) mortes de pacientes que esperavam por leitos para tratamento de coronavírus. 

Em Nhandeara/SP, um homem de 83 anos com o diagnóstico da Covid-19 morreu à espera de um leito na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, Manuel Teixeira estava internado em Nhandeara e morreu devido à gravidade clínica e histórico de outras doenças, como hipertensão e diabetes. 

Ainda segundo a secretaria, ele não respondeu às condutas recebidas e não evoluiu para que houvesse condições de transferência. 

Em Castilho/SP, registrou no fim de semana a morte do primeiro paciente à espera de um leito UTI Covid. Trata-se do professor Josciel Moura, de 35 anos. Ele deu entrada no Centro Tratamento Municipal da Covid, mas apresentou evolução da doença. Segundo o município, a solicitação de um leito de UTI foi feita à Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde (Cross), mas ele morreu no domingo (14), antes da transferência. 

Já em Ouroeste/SP, a prefeitura informou que quatro pacientes diagnosticados com o coronavírus morreram à espera de uma vaga na UTI em hospitais de referência. Contudo, os nomes e idades dos pacientes não foram divulgados. 

Em Santa Adélia/SP, uma idosa de 93 anos com confirmação para a Covid-19 morreu à espera de um leito de UTI em Santa Adélia, segundo a prefeitura. Trata-se de Leonor Colavite Stefani, que estava internada na Santa Casa e aguardava uma vaga para transferência de leito desde terça-feira (9). 

Na última semana, mortes foram registradas em municípios como: Votuporanga, Jales, Fernandópolis, General Salgado, Nova Granada, Araçatuba, Santa Adélia, Irapuã, Urânia, Riolândia e Tabapuã.