Madeireiras são multadas durante operação da Polícia Ambiental 

172
Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental

Foram realizadas consultas dos CTF (Cadastros Técnicos Federais) junto ao IBAMA, em ações deflagradas em Votuporanga, Valentim Gentil, Floreal, Jales, Ouroeste e Santa Fé do Sul.


Equipes da 2ª Companhia da Polícia Ambiental de Fernandópolis/SP realizaram fiscalizações em decorrência da operação Gaia, nesta segunda-feira (9.mai), em madeireiras de Votuporanga/SP, Valentim Gentil/SP, Floreal/SP, Jales/SP, Ouroeste/SP e Santa Fé do Sul/SP com o objetivo de fiscalizar a regularidade das atividades.

Nos estabelecimentos, as equipes realizaram consultas dos CTF (Cadastros Técnicos Federais) junto ao IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), sendo efetuadas a mensurações das madeiras existentes nos locais e as comparações entre os dados coletados e os dos estoques virtuais do sistema DOF (Documento de Origem Fiscal); além da análise das espécies e as variações nos volumes totais.

Em alguns estabelecimentos, irregularidades foram encontradas e as madeireiras acabaram multadas administrativamente “por vender, ter em depósito e adquirir madeira nativa em desacordo com a legislação ambiental”; autuações totalizaram R$18.435,98.