Festival Internacional de Teatro terá hoje “Nerina – a Ovelha Negra” de graça

525
“Só porque, veja que horror, o meu pelo é de outra cor”, diz Nerina, a Ovelha Negra da Maracujá Laboratório de Artes

Às 15h, o espetáculo “Nerina – A Ovelha Negra”, da Maracujá Laboratório de Artes, será encenado no Teatro Valdemar de Oliveira Verdi – no Sesi. Os ingressos são de graça e serão distribuídos com uma hora de antecedência.

Outras três apresentações acontecerão no dia 7, sem custo: “MÃO – translação da casa pela paisagem”, no Zoológico Municipal, “Imprudências Poéticas”, na praça São Sebastião, e “Humalteridade”, na Swift – Graneleiro (com classificação 18 anos).

“Nerina” é baseada no livro do conhecido cartunista Michele Iacocca, e adaptada para uma opereta com bonecos e atores. É o mais recente espetáculo do premiado Maracujá Laboratório de Artes, e conta a história de Nerina, uma ovelha que por ter a cor diferente das outras é expulsa do rebanho. Porém, ao encontrar com lobos que resolvem usá-la para atrair e devorar as ovelhas que a expulsaram, ela toma uma atitude que mudará a vida de todas.

Além das peças gratuitas, 5 outras apresentações fecham o dia, mas com necessidade de ingresso, quase todos esgotados.