Estudante de 15 anos tem braço quebrado após ser agredido na fila da merenda em escola de Rio Preto

283
Foto: reprodução

Vítima precisou ser socorrida e encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jaguaré. Agressor, adolescente de 16 anos, foi apreendido.


Um estudante de 15 anos fraturou o braço esquerdo em dois lugares após ser agredido no pátio da Escola Celso Abbade Mourão, em São José do Rio Preto/SP, na manhã da ultima terça-feira (8).

De acordo com o boletim de ocorrência, policiais militares foram acionados para atender uma briga entre dois alunos do 9° ano do Ensino Fundamental. Eles compareceram à escola e conversaram com a diretora.

Pelas imagens das câmeras de segurança, as equipes da corporação viram que um adolescente de 16 anos passou na frente dos demais que aguardavam na fila da merenda e parou atrás da vítima. Ele estava acompanhado de dois amigos.

Depois de uma discussão ser registrada, o adolescente agrediu o estudante com socos e chutes. A vítima sofreu uma fratura no braço esquerdo e precisou ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jaguaré.

Ainda segundo o boletim de ocorrência, o adolescente foi ouvido e, acompanhado do pai, levado para a Delegacia Seccional de Rio Preto. Por conta dos graves ferimentos, o delegado optou por apreender o agressor.

Em nota, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) lamentou o fato ocorrido e repudiou qualquer forma de violência, principalmente dentro do ambiente escolar.

“A pasta esclarece que a equipe da unidade prestou assistência imediata aos alunos envolvidos tão logo o conflito foi identificado, prestando todo o apoio necessário para ambas as partes. O estudante lesionado foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado ao hospital mais próximo, estando acompanhado por familiar responsável. O segundo estudante envolvido está suspenso das aulas de amanhã (9).”

*Informações/g1