Assistência Social: Votuporanga sedia rodada de capacitação regional sobre Segurança de Renda no SUAS 

709
Votuporanga sedia rodada de capacitação regional sobre Segurança de Renda no SUAS – Foto: Reprodução

Na ocasião, participaram cerca de 150 profissionais entre gestores da assistência social, coordenadores, diretores e técnicos.


Votuporanga sediou, nesta quinta-feira (19.out), a rodada de capacitação regional sobre Segurança de Renda no Suas (Sistema Único de Assistência Social), voltada a atualização, ao alinhamento e assessoramento técnico sobre as normativas do novo Programa Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e dos Benefícios Eventuais.  

O evento foi realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, por meio da DRADS (Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social) de Fernandópolis, e contou com apoio da Secretaria Municipal de Assistência Social da Prefeitura de Votuporanga. 

Na ocasião, participaram cerca de 150 profissionais entre gestores da assistência social, coordenadores, diretores e técnicos, dos 49 municípios que integram a região. Esta foi mais uma oportunidade de qualificar e atualizar as gestões locais na oferta dos benefícios de segurança de renda para os usuários que dependem destes serviços.  

Além da secretária municipal de Assistência Social, Meire Azevedo, participaram também Neusa Vieira, diretora regional de Assistência Social da DRADS de Fernandópolis; o vereador Jura (PSB), representando o presidente da Câmara de Vereadores, Daniel David (MDB); e os diretores técnicos da Coordenadoria de Desenvolvimento Social, Lucas Caffarena Becker, Heder Sousa e Vanessa Mesquita dos Santos. 

A anfitriã do evento explicou que é gratificante para o munícipio receber mais essa capacitação. “Eventos como estes são esclarecedores e necessários para que as equipes atuantes estejam sempre atualizadas sobre os benefícios ofertados, caminhando junto com as diretrizes federais, estaduais e municipais, a fim de que desempenhem o seu papel com propriedade a favor daqueles que mais necessitam, fazendo com que a população seja acolhida com uma política pública de qualidade”, finaliza a secretária.